Receba mensagens em seu Email

terça-feira, 28 de abril de 2015

Filipenses 4 Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Lições de Vida  

Leitura Bíblica- Filipenses 4
Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Após apelar para permanecer firmes no Senhor (v. 1), a Palavra de Deus mostra-nos os seguintes pontos ligados ao apelo pela unidade e a paz, conforme o Comentário Bíblico Broadman:

1. Evódia e Síndique (vs. 2-3);
2. A paz de Deus (vs. 4-7);
3. O que levar em conta (vs. 8-9);
4. Reação de Paulo aos presentes dos filipenses (vs. 10-20);
5. Saudações e bênçãos finais (vs. 21-23).

Neste capítulo há um imperativo: Alegrem-se no Senhor (v. 4). Paulo, da prisão, tendo razões para lamentar e reclamar da situação em que se encontrava, ordenou e reiterou a ordem de alegrar-se no Senhor.

O crente não é mal humorado. Não anda mostrando carranca aos outros. Ele é feliz! Tal felicidade acontece quando...
• ...se resolve diferenças (v. 2),
• ...equilíbrio evidencia que pertencemos a Deus (v. 5);
• ...substituímos preocupação por oração (v. 6);
• ...a paz de Deus invade coração e mente (v. 7);
• ...finalmente, nossos pensamentos forem elevados (v. 8).

Ainda neste capítulo encontra-se um dos versículos mais conhecidos de Paulo: “Tudo posso naquele que me fortalece”; contudo, muito mal interpretado.

O texto não diz que o cristão torna-se...
• ...super humano;
• ...super poderoso;
• ...alguém blindado;
• ...alguém que tudo o que planeja acontece;
• ...uma pessoa sem problemas;
• ...uma pessoa desprovida de sofrimento.

O contexto mostra que o fiel e verdadeiro cristão pode passar por quaisquer adversidades por piores que sejam, mas, independente de toda oposição e dificuldades, a tudo supera confiando em Deus (vs. 10-13).

A felicidade não é ausência de dificuldades, é essência teológica do cristianismo; Paulo conta seu testemunho e revela segredos:

“Já aprendi a estar contente, a despeito das circunstâncias. Fico satisfeito com muito ou com pouco. Encontrei a receita para estar alegre, com fome ou alimentado, com as mãos cheias ou vazias” – O segredo? Depender de Cristo em toda e qualquer situação.

“A carta se encerra com uma bênção. Possivelmente, Paulo esperava que ela fosse lida diante da igreja reunida. Pode ser por causa de um apoio deliberado à sua dominante preocupação com a unidade, que ele ora para que a graça de Cristo estivesse no espírito deles” (Broadman).

Deus não quer que colaboremos com a desunião e tristeza, mas com a união e alegria de Sua Igreja!

Reavivemo-nos! Dependamos de Cristo!

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:

 “Antes de buscar a ajuda dos homens busque a ajuda de Deus.”

Comentários bíblicos do Antigo e Novo Testamento você encontra em:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...