Receba mensagens em seu Email

sábado, 4 de abril de 2015

2 Coríntios 5 Comentários de Michael Campbell

Reavivados por Sua Palavra


Leitura Bíblica  - 2 Coríntios 5
Comentários  de  Michael Campbell

Do final do capítulo 4 (verso 16 em diante) até os dez primeiros versos do capítulo 5, o apóstolo Paulo contrasta a natureza passageira da existência terrena com a natureza permanente da existência após a ressurreição. Embora seja evidente que será “destruída a temporária habitação terrena em que vivemos” (v 1 NVI), ou seja, o nosso corpo, o que realmente conta é que no interior sejamos “uma nova pessoa” (v 17 NTLH) por estarmos unidos com Cristo e, assim, renovados a cada dia. Nós nos concentramos em coisas eternas, que não podem ser vistas (v 1).

Tudo aqui nesta terra perde o brilho quando comparado com a glória do céu. Assim, esta “habitação” (v 1 NVI) ou “tabernáculo” (v 1 ARA) em que vivemos acabará por ser demolido. “Enquanto isso, gememos, desejando ser revestidos da nossa habitação celestial” (v. 2 NVI), Paulo nos lembra. Entendemos isto pela “fé, e não pelo que vemos” (v. 7 NVI). E Quem vai fornecer nossas roupas e casa celestiais é o próprio Jesus.

Na segunda parte deste capítulo (versos 11 a 21), somos lembrados do belo ministério da reconciliação. Nosso trabalho é “persuadir os homens” a terem um relacionamento com Jesus Cristo (v 11 NVI). Se por este desejo e argumentação parece que “enlouquecemos, é por amor a Deus” (v 13 NVI).

No ponto alto do capítulo, Paulo escreve: “Pois o amor de Cristo nos constrange, porque estamos convencidos de que um morreu por todos; logo, todos morreram. E ele morreu por todos para que aqueles que vivem já não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.” (vs. 14-15 NVI). Seu maior desejo é contar que “Deus em Cristo estava reconciliando consigo o mundo, não levando em conta os pecados dos homens”.

Nós todos “estamos aqui falando em nome de Cristo” NTLH, tendo recebido o alto privilégio de sermos portadores desta “mensagem da reconciliação” (v. 19 NVI) entre Deus e os homens. Temos a elevada missão se suplicar a todos que se reconciliem com Deus (v 20), proclamando que: “em nome de Cristo, deixem que Deus os transforme de inimigos em amigos dEle” (v 20 NTLH).

Que todos conheçam que “Deus colocou sobre Cristo a culpa dos nossos pecados para que nós, em união com Ele, tenhamos a vida santa que Deus quer” (v 21 NTLH).

Michael Campbell

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...