Receba mensagens em seu Email

sábado, 6 de dezembro de 2014

Lições da Vida de Jesus- Marcos 7

Lições da Vida de Jesus

Leitura Bíblica-Marcos  7
Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Qualquer coisa que não esteja fundamentado na Bíblia ofusca a verdadeira religião, ilude o coração e resulta em perdição. Quaisquer atos e práticas estranhos à Bíblia não passam de meras tradições, importante a homens, desprezíveis para Deus. Nossa vida deve ser fundamentada exclusivamente na Bíblia.

A menos que você queira permanecer no engano, não continue lendo esta reflexão baseada em Marcos 7. O caso aqui era comer sem lavar as mãos e ofertar a Deus para não auxiliar os pais idosos; isso eram tradições, não orientações bíblicas; tais como

1. Fazer o sinal da cruz;
2. Acender velas;
3. Reverenciar imagens, anjos;
4. Orações à Maria;
5. Extrema-unção;
6. Água benta;
7. Canonização de mortos;
8. Jejuns à sexta feira, durante a quaresma;
9. Confissão auricular a padres em lugar de a Deus;
10. Guarda do domingo ao invés do sábado, etc.

Nada disso está na Bíblia, pelo contrário, invalida a Bíblia! É uma falsificação da religião, do culto e da adoração (vs. 6-8). Jesus declarou:
“Que inconveniente, não? Vocês se livram do mandamento de Deus para seguir modismos religiosos sem serem incomodados” (v. 9);
“Vocês anulam a Palavra de Deus e a trocam por suas próprias regras. Vocês são especialistas nesse tipo de coisa” (v. 13).

Os fariseus lavavam as mãos sete vezes com água e/ou areia (a questão não era higiênica) para descontaminar de algum possível contato que houvesse com gentios ao andar pela rua. A tradição judaica dizia que se um judeu tocasse um gentio, ou algo tocado por este, ficava imundo. Mas...

1. Jesus libertou a filha de uma mulher siro-fenícia (gentia) que “comia migalhas do chão” como cachorrinho – aliás, judeus consideravam cachorro aos estrangeiros, pois não se purificavam com a tradição; mas foram agraciados com a bênção de Deus (vs. 24-30).

2. Decápolis era uma região de gentios, ali Jesus curou um surdo e gago a fim de ensinar que a tradição, por mais religiosa que seja de nada vale (vs. 31-37).
A maior contaminação é o pecado. Ele surge no interior do ser humano, portanto, práticas externas não purificam sua imundícia. O interior contaminado produz maus pensamentos, e estes, más ações que nada purifica a não ser o sangue de Jesus derramado na cruz

Reavive-se! Reforme-se!

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:

 “Antes de buscar a ajuda dos homens busque a ajuda de Deus.”

Comentários bíblicos dos livros de Genesis a Malaquias  você encontra em:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...