Receba mensagens em seu Email

domingo, 1 de fevereiro de 2015

Atos 3 Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Lições de Vida  dos  Apóstolos de Jesus
 Leitura Bíblica- Atos 3

Comentários: Pr. Heber Toth Armí

A história registra que Tomas de Aquino, cujas obras tiveram notável influência na teologia e na filosofia, ao visitar o Papa Inocêncio, que, após mostrar-lhe toda a esplendorosa riqueza do Vaticano, declarou, fazendo alusão às palavras de Pedro ao coxo de Atos 3:

– Vês, Tomás? A igreja não precisa mais dizer como nos primeiros dias: “Não tenho prata nem ouro...”.

– É verdade – confirmou Tomás – Mas também não pode mais dizer ao coxo: “Levanta-te e anda”.

“Rico sou e de nada tenho falta” é a doce ilusão que se encontra a igreja laodiceana de Apocalipse 3. Ter riquezas não significa ter tudo. Não ter o poder do Espírito Santo significa não ter nada, ainda que se tenha riquezas pensando ter tudo de que se precisa para proclamar o Evangelho.

O capítulo 3 de Atos pode ser assim sintetizado:

1. A experiência junto à porta Formosa, cura de um coxo, milagre que impulsionou a perseguição da Igreja Cristã, logo em seu início (vs. 1-11);

2. O segundo sermão de Pedro cheio do Espírito Santo; sua ênfase messiânica revela que o Espírito Santo no crente exalta Jesus, o Salvador dos pecadores (vs. 12-26).

No versículo 1 temos o segredo do poder da igreja: Oração diária. Todos os dias os apóstolos iam ao Templo a fim de orar. “A oração” – observa Warren Wiersbe – “é tanto um termômetro como um termostato para a igreja local; o fato de a ‘temperatura espiritual’ se elevar ou reduzir depende das orações do povo de Deus”.

Outro segredo da igreja é a pregação ousada da Palavra com relevância para o ouvinte, como se nota nos versículos 12-26.

A igreja não possuía extravagância de bens materiais, nem dinheiro como se tem hoje; não tinha literatura impressa, muito menos os meios de comunicação que temos como rádio, televisão e internet, contudo, por meio da oração, a igreja tinha acesso ao poder do Espírito Santo a fim de proclamar a Palavra de Deus.

A igreja que não prega o evangelho não cresce. A igreja que não cresce está doente ou morta. A falta de oração diária, constante, é como a falta de ar em alguém que não mais respira. Por isso, alguém, corretamente disse que a igreja que não evangeliza, precisa ser evangelizada.

Reavivemo-nos!

Imagens do Google
Curta e compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...