Receba mensagens em seu Email

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Atos 8 Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Lições de Vida  dos  Apóstolos de Jesus

Leitura Bíblica- Atos 8
Comentários: Pr. Heber Toth Armí

A perseguição faz bem à igreja: Além de permanecerem somente verdadeiros cristãos, estes cumprem intensamente a missão. Certamente, verdadeiros cristãos cumprem a missão.

Sem perseguição, provavelmente a Igreja não sairia do comodismo. Ela afugentou os membros de Jerusalém para Samaria, conforme o plano Divino. Saulo era o implacável perseguidor e os que andavam dispersos iam por toda parte ANUNCIANDO A PALAVRA (vs. 1-4). Os perseguidos não se intimidam; pois, quem teme a Deus, não teme mais nada!

Um diácono, Filipe, chegou a Samaria cheio do Espírito Santo. Suas palavras e atos causaram um grande impacto entre os samaritanos. A perseguição arremessou cristãos aonde havia corações sinceros aguardando a mensagem de salvação (vs. 4-8). Quando a igreja não cumpre a missão em boas situações, terá de testemunhar frente à perseguição!

Tenda, evangelismo, sinais miraculosos, aglomerações, conversões – aí estava alguém que não era apóstolo nem pastor, evangelizando multidões. Isso indica que todo cristão tem como missão levar salvação às multidões, caso esteja cheio do Espírito Santo (vs. 9-25). Quantos mais estariam entre os salvos se fizéssemos mais por Cristo!

Ainda, neste capítulo, alguns pontos devem prender nossa atenção:

1. O poder e os dons do Espírito Santo não se compram com dinheiro, são outorgados aos que recebem a Cristo.

2. O Espírito Santo capacita até ao mais simples cristão a pregar entusiasticamente para salvar perdidos das cadeias do pecado e do diabo.

3. O Espírito Santo não se preocupa com multidões, mas com salvação individual; por isso, Ele pode retirar alguém do sucesso evangelístico levando-o ao deserto, a fim de salvar uma pessoa (vs. 26-40).

Após um avivamento impactante, Filipe foi conduzido ao deserto, para evangelizar o Eunuco, superintendente/tesoureiro da rainha da cidade de Candace. O planejamento evangelístico de Filipe foi substituído abruptamente pelo planejamento do Espírito Santo.

Mais aplicações:

1. Evangelistas ávidos por números não permitirão ser conduzidos pelo Espírito Santo.

2. Quem se apega a seus planejamentos, não dá espaço ao planejamento Divino.

3. Quem não aceita distritos pequenos, vilarejos, para evangelizar, são arrogantes diante da influência do Espírito Santo.

4. Quem não abre mão de suas estratégias missionárias, não aceitará as estratégias do Céu.

Decida-se pelos planos divinos: Seja independente de si mesmo para que sejas guiado pelo Espírito Santo! Consagra-te!

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...