Receba mensagens em seu Email

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Atos 12 Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Lições de Vida  dos  Apóstolos de Jesus

Leitura Bíblica- Atos 12
Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Ser cristão não é para fracos! Aliás, muitos deles tiveram que ser fortalecidos por Deus, para, então, viverem como verdadeiros cristãos. Claro, em muitos lugares hoje é diferente; entretanto, Cristo nunca rebaixou o padrão para facilitar o crescimento de Sua Igreja.

Por isso, ainda carecemos do poder do Espírito e da oração como meio de comunicação, para agirmos como cristãos genuínos. No capítulo em questão, Tiago foi decapitado por Herodes (vs. 1-4); e, Pedro foi encarcerado.  Consequências de pregarem Cristo aos carentes de salvação (vs. 5-6).
Você aceitaria ser cristão nestas situações?

Só por meio da confiança e do poder sobrenatural de Deus, uma igreja pequena poderia ter início e prosperar frente à tamanha oposição. Após o martírio de Tiago e “durante todo o tempo em que Pedro esteve sob severa vigilância na cadeia, a igreja orou fervorosamente por ele” (v. 5).

Contudo, o dia marcado para a morte de Pedro se aproximava (veja que ser cristão era passível de pena de morte). Como Deus respondeu à oração dos crentes em ininterrupta comunhão?

1. Deus enviou um anjo à prisão para libertar Pedro (vs. 7-11);

2. Deus julgou e agiu contra aquele que se opunha contra Sua igreja (vs. 18-25).
Alguns detalhes chamam a atenção:

1. O poderoso Herodes, em sua arrogância e petulância, foi ferido pelo anjo do Senhor; por não dar glória a Deus foi comido por bichos, sem gloria nenhuma; “enquanto isso, a Palavra de Deus se espalhava sem parar” (vs. 23-24). Portanto, jamais fale mal da igreja, nunca esteja contra ela; quem, assim, procede, cava a própria sepultura!

2. Pedro, presidiário, em sua humildade e dependência de Deus, dormia; contudo, altas horas da noite, havia cristãos na casa de Maria e de seu filho João Marcos reunidos em perseverante oração. Liberto, Pedro, da prisão pelo anjo, bateu à porta e parece que houve incredulidade naqueles que oravam por sua libertação. Mesmo assim, Deus atendeu a oração deles (vs. 13-17).

A igreja que ora vê a mão de Deus na história. A oração é a forma de manter comunhão com a fonte do poder celestial para enfrentar qualquer oposição. Orar é a fórmula para avançar apesar dos obstáculos.

Somente pela oração fervorosa o crente pode alcançar vitórias! “Reaviva-nos, Senhor!”

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...