Receba mensagens em seu Email

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Atos 18 Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Lições de Vida  dos  Apóstolos de Jesus

Leitura Bíblica- Atos 18
Comentários: Pr. Heber Toth Armí

Ousadia na proclamação da Palavra depende de humildade na oração!

O Evangelho é uma mensagem pura para um mundo impuro; é a exaltação da moral numa sociedade imoral; é a reprovação dos pecados cometidos pelas melhores/piores intenções humanas – talvez sejam por estas razões que muitos preferem ignorá-lo, ou optam por evangelhos adulterados.

Corinto, cidade portuária, que por seu tráfego de mercadorias e escravos e gente de lugares diferentes, favorecia a proliferação da imoralidade, perversidade e vida devassa. Paulo não se moldou à cultura de Corinto, nem desviou-se de anunciar a Palavra que transforma a vida e a cultura a seus habitantes.

Numa sociedade carnavalesca o problema não é a carência de princípios morais, é falta de mais proclamação da Palavra!

Trabalhando para sustentar-se e aproximar-se das pessoas durante a semana, Paulo exercia influência para anunciar Cristo aos pecadores. Seis dias eram utilizados para trabalhar entre as pessoas; e, um dia para santificar, o sábado – utilizado para pregar (vs. 1-11).

Nem a cultura de Corinto nem as tradições judaicas influenciaram Paulo; ele deixou Deus influenciá-lo. Sendo orientado por visão, permaneceu em Corinto por um ano e meio ensinando a Palavra; muitos aderiram ao cristianismo através do batismo.

Os judeus levaram Paulo ao tribunal; como Deus está acima de tudo, a situação não ficou legal para os judeus. Portanto, é impossível lutar contra um servo de Deus e vencer (vs. 12-17).

O líder instituído por Deus não trabalha sozinho. Príscila, Áquila e Apolo receberam responsabilidades de Paulo para ministrar igrejas iniciadas por ele. Os missionários escolhidos revelam a importância do ensino da Palavra: Quem a ministra deve conhecê-la muito bem (vs. 18-28).

Dois detalhes:

1. Dos versículos 18 ao 23 Paulo viajou mais de 2.400 km em prol do cristianismo;

2. Os humildes sempre tem algo a aprender com outros. Embora fervoroso, culto e eloquente, Apolo ouviu Áquila e Príscila; e, aprendeu o que não sabia.

Aplicações à vida:

1. Não nos acomodemos limitando nosso território evangelístico, nem nosso conhecimento bíblico;

2. Não negligenciemos os de perto nem os de longe de nós, ao anunciar o Evangelho;

3. Não avancemos independentemente da Igreja, corpo de Cristo, ao evangelizar.

Jamais privemos alguém de conhecer o evangelho. Temos de espalhá-lo ao mundo! “Liberta-nos, reviva-nos, oriente-nos... Senhor!”

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...