Receba mensagens em seu Email

domingo, 11 de janeiro de 2015

João 3 Comentários de Willie Oliver

Reavivados por Sua Palavra

Leitura Bíblica  - João 3
Comentários  de  Willie Oliver
Independentemente de nossa posição na vida, todos precisamos de Jesus para obter a vida eterna. Do pobre ignorante ao rico doutor da Lei.

Nicodemos representava a ortodoxia religiosa, riqueza, poder, desempenho acadêmico, e, ao mesmo tempo uma fé inadequada. Um membro do Sinédrio – uma alta posição de responsabilidade na nação judaica – fica impressionado diante dos ensinamentos e ousadia do professor humilde de Nazaré. Apesar de sua convicção pessoal, Nicodemos não está disposto a ser visto com Jesus e decide esperar pela cobertura da escuridão para se encontrar com Ele.

Ao conversar com Nicodemos, Jesus imediatamente muda da conversa superficial e informal para o centro do que é importante: “Digo-lhe a verdade: Ninguém pode ver o Reino de Deus, se não nascer de novo” (v 3 NVI). Nicodemos quer se envolver em uma conversa filosófica, mas Jesus só está interessado em compartilhar a salvação que Ele veio oferecer a cada membro da raça humana. A conversa entre Jesus e Nicodemos também é dirigida para você e para mim.

No verso 16 Jesus compartilha com Nicodemos a essência do Evangelho: “Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna” (NVI). Esta oferta é boa para você, caro leitor, não importa em que país do mundo você viva. O “todo o que” significa você.

Este é o maior presente que o Céu poderia dar: “Este grande sacrifício não foi feito a fim de criar no coração do Pai o amor pelo homem, para torná-lo disposto a salvar. Não, não! ‘Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho unigênito'” (Caminho a Cristo, p. 13).

Como João Batista, é nosso privilégio humildemente exaltar Jesus. A principal mensagem deste capítulo é clara: a salvação é um dom de Deus acessível a todos através da pessoa de Seu Filho Jesus Cristo.

Willie Oliver


http://www.palavraeficaz.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...