Receba mensagens em seu Email

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Jó 23 COMENTÁRIOS Pr. Heber Toth Armi

Jó 23
COMENTÁRIOS Pr. Heber Toth Armi

Ser incompreendido é uma coisa; não ser ouvido é outra coisa, pior ainda. Jó foi incompreendido pelos amigos e, aparentemente não era ouvido por Deus. Certamente, é muito difícil lidar com a incompreensão; entretanto, dificuldade maior é lidar com o silêncio de Deus. Quando esmagados pela dor, queremos urgentemente séria audiência com o Senhor. Muitas vezes, temos como respostas apenas o barulho ensurdecedor do silêncio do Criador. “O silêncio de Deus grita mais alto em nossos ouvidos que os berros da natureza. Os trovoes que ribombam das nuvens tempestuosas são mais suaves que o silêncio de Deus nas noites escuras da alma... Quando Deus se cala, ficamos confusos e perturbados” (Hernandes Dias Lopes). Aflito após muito sofrimento, angustiado após sentir tanta dor, ansioso após indescritível desgosto, Jó não duvidou da existência de Deus, nem faz chantagem com Ele, muito menos O abandonou. Em contrapartida, Jó ora insistentemente. Sua primeira oração “não é ‘Que eu seja curado das doenças que infestam todo o meu corpo!’ ou ‘Que eu veja meus filhos restaurados das garras da morte e meus bens retornem das mãos dos saqueadores!’. Antes, seu maior e mais elevado desejo é ‘Que eu possa encontrar o meu Deus e comparecer a Sua presença!’” – comenta Charles Spurgeon. 1. O maior alvo de Jó era encontrar-se com Deus ainda que não percebesse nenhuma bênção dEle em Sua vida; e... qual é teu maior objetivo? (vs. 1-9); 2. Jó olhava para sua situação em meio às mais densas provações e tinha certeza que sairia dali purificado como ouro provado no fogo; e você... teria a mesma certeza? (vs. 10-12); 3. O olhar de Jó ao futuro era de expectativas positivas: Deus alcançaria o que esperava dele. Jó estava disposto a não decepcionar a Deus; e... quanto a você? (vs. 13-17). Impactante e profunda essa atitude. Deste texto inspirado ainda pode-se destacar muitas lições de vida: • Só podemos encontrar Deus quando Ele se revela; • Não podemos mandar em Deus ou determinar o que Ele deve fazer; • Por mais perturbado com a situação, nada nem ninguém pode impedir nossa devoção, senão nós mesmos; • Resisti ao diabo e ele fugirá de vós (Tiago 4:7); a narrativa bíblica não citou mais o diabo, ele está derrotado. Deus seja louvado! –

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...