Receba mensagens em seu Email

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Jó 18 COMENTÁRIOS Pr. Heber Toth Armi

Jó 18
COMENTÁRIOS Pr. Heber Toth Armi

As acirradas acusações de mais de uma pessoa faz o acusado perverter sua autoimagem. Esse alvo tinham os amigos de Jó ao pronunciar suas preleções analíticas sobre ele.

Veja bem, Jó enfrentava as consequentes descrições que Bildade fez do ser humano perverso:

• Calamidades lhe sobrevieram famintas e a miséria estava alerta ao seu lado (v. 12);

• Ele foi arrancado de seu lar confortante e levado ao rei dos terrores (v. 13);

• Seus queridos se afastaram como se em sua casa tivesse enxofre (v. 14);

• Seus dez filhos morreram, não ficou nenhum descendente em suas moradas (v. 19);

• Os amigos que vieram de longe se espantaram e foram tomados de terror calando-se por 7 dias ao encontraram-no em sua situação caótica e deprimente (v. 20).

Bildade fez aplicação direta de seu “sermão”: “Tais são, na verdade, as moradas do perverso, e este é o paradeiro do que não conhece a Deus”. Nem precisa ser bom intérprete para sintetizar o que Bildade cria: Jó era um perverso que não conhecia a Deus.

Para provar isto, Bildade elaborou seus argumentos sobre o perverso com grande critério e sabedoria retórica e didática desde a introdução de sua fala (vs. 1-11), na qual incluiu profecias pessimistas (vs. 16-18), direcionando tudo a Jó com maestria. No final afirmou ter apresentado a verdade (v. 21).

Enquanto Bildade preparava sermões o justo Jó – classificado por ele como perverso, Jó elevava a Deus a mais sincera das orações. Observe atentamente esta citação de Jean-Nicolas Grou: “Deixemos nosso sofrimento ser carregado por Deus. Sofra com submissão e paciência em Jesus, e você terá oferecido a mais excelente oração”.

Enfim, que dizer daqueles que agem como Bildade? Esses são...

• amigos que prezam pela própria vaidade, defendem com maestria seus pontos de vistas aparentando ser possuidor de sabedoria; entretanto, são desprovidos do verdadeiro amor pelos sofredores.

• rápidos em fazer análises, comparações, poesias retóricas e profecias teóricas, baseando-se em fatos visíveis; contudo, não dão a mínima para o desabafo dos aflitos.

• temerosos em ser desmascarados em suas tolices e conceitos falhos, consequentemente, tornam-se arrogantes e ferinos em seus fortes argumentos lógicos.

• orgulhosamente religiosos, defendem a Deus e Sua intolerância à injustiça, mas suas aplicações são absolutamente equivocadas.

Deus nos livre de sermos amigos como Bildade! – Heber Toth Armí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...