Receba mensagens em seu Email

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Provérbios 27 – Comentário Pr Heber Toth Armí

Provérbios 27 –
Comentário Pr Heber Toth Armí

Alguém disse: “Chega-te aos bons, serás um deles; chega-te aos maus, serás pior do que eles”. E, Aristóteles declarou: “É fazendo que se aprende a fazer aquilo que se deve aprender a fazer”.

Então, escolha bem teus amigos e faça o certo, assim desenvolverás sabedoria! Passe tempo na companhia dos sábios de Provérbios e verás o que te sucederá. Aliás, passe tempo com Deus, e serás moldado pelo Autor da sabedoria. Coloque tua vida em harmonia com a vontade dEle e viverás dias de doce alegria!

Cícero observou: “Não basta adquirir sabedoria; é preciso, além disso, saber utilizá-la”; e, é exatamente a isso que cada capítulo de Provérbios intenta conduzir-nos. Atente para os 27 versículos deste capítulo. Hernandes Dias Lopes assim os sintetizam:

• O futuro não está em suas mãos (v. 1);
• O autoelogio não cai bem (v. 2);
• O peso da ira do insensato (v. 3);
• A inveja é muito perigosa (v. 4);
• Quem ama confronta (v. 5);
• As feridas do amor (v. 6);
• A alma enfastiada (v. 7);
• Cuidado, pezinho, onde pisa (v. 8);
• As bênçãos da amizade (v. 9);
• Valorize seu vizinho (v. 10);
• A sabedoria é fonte de alegria (v. 11);
• A prudência pode salvar sua pele (v. 12);
• Cuidado com os compromissos que você assume (v. 13);
• Há elogios e elogios (v. 14);
• O desconforto de viver com uma mulher ranzinza (v. 15);
• A impossibilidade de controlar uma mulher ranzinza (v. 16);
• O contato abençoador (v. 17);
• A recompensa do trabalho (v. 18);
• O poder da autoanálise (v. 19);
• Insatisfação crônica (v. 20);
• Como você reage aos elogios? (v. 21);
• A estultícia inveterada (v. 22);
• Você conhece o estado de suas ovelhas? (v. 23);
• A riqueza é passageira (v. 24);
• Um trabalho que vale a pena (vs. 25-27).

Quando indivíduos “que têm condescendido com maus hábitos e práticas pecaminosas se rendem ao poder da verdade divina, a aplicação dessa verdade ao coração faz reviver as energias morais, as quais pareciam paralisadas” (Ellen G. White).

Desta forma, se aplicarmos esses princípios de Provérbios em nossa vida...

1. Substituiremos hábitos e práticas pecaminosos por hábitos e práticas espirituais;
2. Deixaremos de viver no pecado que nos paralisa e mata, para viver os princípios que fazem-nos reviver.

Clamemos: “Senhor, reaviva-nos!” – Heber Toth Armí #rbhw #ebiblico #rpsp

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...