Receba mensagens em seu Email

sábado, 5 de março de 2016

Mães como Ana – 1 Samuel 2

Leitura Bíblica – 1 Samuel 2

Mães como Ana 
Comentários: Pr.  Heber Toth Armí

Mulheres não são desprezadas na Bíblia como muitos machistas pensam, ou como creem o movimento feminista. Em nossa Bíblia, o livro de Samuel vem após o livro de Rute, uma mulher; e começa falando de Ana, uma mulher que, com suas orações mudou a história de uma nação.

• O capítulo em apreço começa com o cântico de Ana, a qual não era iletrada, inculta, sem conhecimento teológico. Seu cântico é profundo e sua teologia é correta (vs. 1-10).

• Na sequência, o autor contrasta o mau comportamento dos filhos do Sumo Sacerdote Eli que eram péssimos exemplos à comunidade, com o destacado caráter do menino Samuel que, não servia a Eli, mas ao Senhor perante Eli (vs. 11-26).

• Finalmente, o capítulo encerra com uma profecia declarada diretamente ao Sumo Sacerdote Eli do que o Senhor faria em breve a sua casa por ter negligenciado a Casa do Senhor, Sua obra e a educação dos filhos e das pessoas que ele liderava espiritualmente (vs. 27-36).

Existe uma gritante diferença entre Ana como mãe, e Eli como pai, neste relato inspirado. Ana consagrou Samuel ao Senhor, Eli permitiu que seus filhos se consagrassem ao pecado. Ana era mãe dedicada espiritualmente e resoluta na educação espiritual de seu filho; Eli era relapso, negligente quanto ao mau comportamento dos filhos. Ana conduziu Samuel a Deus; Eli, mesmo na Casa de Deus, permitiu que seus filhos caíssem em pecados horríveis. Ana honrava mais a Deus do que a seu filho; Eli honrava mais a seus filhos que a Deus!

• Você se identifica mais com Ana ou Eli?
Inserido à profecia contra a casa de Eli trazida por um homem de Deus (v. 27) há duas premissas teológicas significativas (v. 30):

1. Deus honra àqueles que O honram;
2. Deus humilha àqueles que O desprezam;

Ana teve um filho que foi uma bênção para a nação inteira. Eli teve vergonha de seus filhos. Ana teve o prazer de ter o primeiro juiz de Israel que tornou-se profeta. Eli teve o desprazer de ter seus filhos registrados na Bíblia como filhos de Belial, trazendo maldição à família.

Nossa sociedade precisa de mais mães como Ana e, a igreja precisa de menos pais como Eli. Então, experimentaríamos mais reavivamentos!
Reflita! /Heber Toth Armí /


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...