Receba mensagens em seu Email

segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Deuteronômio 3 Comentários: Norman Gulley

Reavivados por Sua Palavra

Leitura Bíblica: Deuteronômio 3
Comentários: Norman Gulley

Depois de derrotar Seom, rei de Hesbom, Israel derrotou Ogue, rei de Basã. Ogue era um gigante com uma cama de ferro, que media cerca de  4 metros de comprimento e 1,80 metros de largura (Andrews Study Bible, nota sobre 3.11, p. 222). Ele era enorme. Em comparação, os primeiros gigantes eram muito mais altos do que Golias, com quem o menino Davi lutou muitos anos depois. Mas Deus disse a Israel: "Não os temais, porque o SENHOR, vosso Deus, é o que peleja por vós" (v. 22). E Deus destruiu o gigante Og.

Considere o rei Saul, que "desde os ombros para cima, sobressaía a todo o povo" (1 Sm 9:2b), mas não se atreveu a lutar contra Golias. Davi, um simples rapaz, enfrentou o gigante: "Tu vens contra mim com espada, e com lança, e com escudo; eu, porém, vou contra ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado. Hoje mesmo, o SENHOR te entregará nas minhas mãos; ferir-te-ei, tirar-te-ei a cabeça "(1 Sam 17: 45-46a). Davi não avançou na sua própria força. Ele sabia que não era páreo para o gigante. Ele se concentrou em Deus, não no gigante.

Da mesma forma, se houver gigantes de sua vida, tais como fortes hábitos ou vícios que te aprisionam e parecem impossíveis de derrotar ou ainda problemas financeiros esmagadores, tenha coragem! Deus vai te ajudar. Apegue-se a Cristo através de estudo da Bíblia e oração e Deus vai lutar por você, "porque Deus é quem efetua em vós" (Filipenses 2:13a).

Moisés rogou a Deus para entrar na terra prometida, mas Deus disse: "Não". "Suba até o topo do Pisga e veja a terra prometida. Isso é tudo."
Por quê? Moisés não tinha sido fiel a Deus por 40 anos fielmente levando o Israel de Deus, que era "um povo de dura cerviz" (Êx 33:3 b)? Mesmo assim, ficou dele o registro: "Moisés era muito humilde, mais do que todos os homens que estavam sobre a face da terra" (Nm 12:3).

Quando o povo acusou Moisés de tirá-los do Egito para que morressem de sede no deserto (Núm.20), Moisés feriu a rocha duas vezes com sua vara ao invés de falar à rocha, como Deus ordenara. Mesmo assim, a água saiu abundantemente. Não estaria Deus sendo muito rígido em Seu julgamento? O que estava errado?

Moisés tinha respondido às queixas de Israel, não ao pedido claro de Deus. Ele desobedeceu a Deus, agiu com raiva, e afirmou que ele e Arão trariam água da rocha, batendo nela em seguida. Ele agiu de forma independente, tomando a glória para si mesmo e deturpando a imagem de Deus perante o povo.

Há mais nessa história, mas isso será suficiente. Israel era o gigante que Moisés enfrentou. Em vez de se concentrar em Cristo, dependendo dele como o fez Davi, Moisés dependeu de si mesmo e lutou na sua própria força. Mesmo assim, Deus trouxe a água da rocha, e não Moisés.

Precisamos começar cada dia perante nosso Deus. Jamais esqueçamos de Sua presença e palavras dirigidas a nós. Escondam o-nos nEle e somente enfrentando crises em Sua força.

Mesmo não tendo Moisés representado a Deus neste ato irrefletido, Deus levou em consideração toda a sua vida (Hebreus 11:23-28), ressuscitou Moisés e levou-o para o Céu (Judas 9), e Moisés apareceu a Cristo em Sua transfiguração ( Lucas 9:28-36). Que Deus perdoador, justo e piedoso nós temos! Lembre-se que quando você cai, Deus está ali para levantá-lo em Seus braços. Ele olha para todo o curso da sua vida como Ele fez com Moisés.

Norman Gulley



http://revivedbyhisword.org/en/bible/deut/3/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...