Receba mensagens em seu Email

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Números 6 Comentários: Mark Sheffield

Reavivados por Sua Palavra

Leitura Bíblica: Números 6
Comentários: Mark Sheffield

Se qualquer israelita sentisse o desejo de doar-se mais profundamente a Deus do que a pessoa comum, ele poderia fazê-lo. No entanto, isso lhe custava algo. O voto de nazireado que uma pessoa tomava era um compromisso público de viver [permanente ou temporariamente] uma vida de abnegação. Por exemplo, um nazireu tinha que negar a si mesmo, evitando o uso de qualquer tipo de uva “fresca ou seca.” Portanto, o voto de nazireado também colocaria uma pessoa à parte socialmente. Sem jantares felizes ou banquetes. Além disso, se um parente próximo, até mesmo uma mãe, morresse, o nazireu não podia chegar perto do corpo. Ser um nazireu poderia significar ser um solitário.

Hoje os governos restringem as atividades daqueles que têm um comportamento inaceitável, colocando-os na prisão e, geralmente, eles não estão autorizados a participar dos funerais de entes queridos. Isto parece duro por parte do governo, mas é a realidade de uma vida escolhida pelo infrator. Assim, restrições, tais como as que vemos nas Escrituras podem ser vistas na sociedade de hoje.

A restrição das atividades daqueles que haviam tomado o voto de nazireado e que desejavam ter uma experiência espiritual mais profunda não deve ser visto como por demais rigorosa da parte de Deus.

Se quisermos ter uma experiência espiritual mais profunda, também precisamos ser cuidadosos com o que comemos e bebemos e selecionar cuidadosamente as nossas atividades.

Mark Sheffield

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...