Receba mensagens em seu Email

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Prudência resulta em bênçãos

Prudência resulta em bênçãos

Leitura Bíblica- Gênesis 25 –
Comentários Bíblicos Pr. Heber Toth Armí

Uma das maiores causas de dificuldades na vida é a imprudência. Imprudência nos relacionamentos resulta em tremendos sofrimentos. Imprudência é agir precipitadamente/irrefletidamente: Falta de cuidados.

Um jornal peruano declarou: “Acidentes ocorrem frequentemente nas estradas peruanas, pela imprudência dos motoristas, o mau estado das pistas e a informalidade do setor de transporte”. Podemos, facilmente, parafrasear: Acidentes ocorrem frequentemente na estrada da vida pela imprudência dos seres humanos, o mau caráter que possuem e sua natureza pecaminosa.

Enfocando a família, pode-se acertadamente dizer que as famílias são destruídas diariamente pela imprudência. Sofrimentos, dores, traumas e problemas familiares surgem da imprudência vivida nos lares. Observe:

1. Imitar os erros dos pais é imprudência fatal. Ao fazer isso, Isaque põe sua esposa em perigo, a beleza de sua esposa tornou-se a causa de crise no casamento (vs. 1-7);

2. A duplicidade no casamento acarreta terríveis sofrimentos: Ser uma coisa em casa e, fora de casa ser diferente, é falsidade. Agir em casa diferentemente de como se age fora, fazer carinho num lugar e não em outro, pode resultar em tragédias (vs. 8-11);

3. Egoísmo, medo, mentira, desconfiança, falta de comunicação, negligências e falta de considerar Deus nas tomadas de decisões, são pecados que levam a acidentes mortais. Coloque o sinto de segurança, aprenda a viver bem para que a viagem na estrada da vida seja de bonança;

4. A não ser que Deus intervenha, nada impedirá que nas imprudências da vida a desgraça sobrevenha (vs. 10-13).

Além desses pontos aplicáveis diretamente ao casamento, o capítulo aponta princípios para relacionamentos mais abrangentes, para evitar arruinar toda a família:

1. Não é sábio provocar ou vingar-se de vizinhos que nos provocam, ser prudente evita muitos acidentes. Quando Deus abençoa Seus filhos, os filhos das trevas são tomados por inveja e agem cruelmente. Ao abrir novos poços e não vingar-se quando invejosos contenderam, Isaque protegeu a família de muitos males; aliás, sua prudência resultou em bênçãos divinas (vs. 14-33);

2. Não é nada sábio agir por instinto ou vingar-se: Esaú casou-se com mulheres pagãs, ele teve duas esposas. Esse casamento foi a desgraça de sua vida e a tristeza para seus pais. A imprudência é a causa de terríveis tragédias, a porta para imoralidades (vs. 34-35).

Portanto, seja prudente! – Heber Toth Armí


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...