Receba mensagens em seu Email

quarta-feira, 30 de março de 2016

Projeto RPSP- I Samuel 27

Projeto Reavivados por Sua Palavra- 1 Samuel 27
Texto de hoje do blog da Bíblia: http://revivedbyhisword.org/en/bible/1sa/27/

Embora o Senhor tenha protegido Davi de todos os perigos até agora, a sua fé é testada mais uma vez. Suas perspectivas são sombrias. Seu próprio povo mostra apenas censura e ingratidão. Os homens de Queila tentaram entregá-lo a Saul (cap. 23:1-13) e os zifeus duas vezes contaram a Saul o local de seus esconderijos. Nabal insultou-o. Ele está sendo tratado como se fosse um fora da lei.

Assim, sem pedir orientação do Senhor, Davi decide se refugiar entre os filisteus, inimigos jurados de seu povo. Aquis, rei de Gate, o acolhe. Este parece ser o mesmo rei perante quem Davi fingiu loucura (1Sm 21:12,13). Naquela época Davi estava sozinho, mas agora ele traz com ele seus 600 homens com suas esposas e filhos. Aquis aparentemente os viu como um reforço às suas próprias forças militares. Quando Saul tem conhecimento para onde Davi se foi, ele decide parar de persegui-lo.

O fracasso de Davi neste caso é semelhante à fuga de Elias depois de sua vitória no Monte Carmelo. Ambos sofrem uma deficiência muito humana de fé e coragem. Felizmente Deus não os abandonou.

Davi decide então pedir ao rei Aquis um lugar para viver longe de Gate, a sede do seu reino, e Aquis lhe dá a cidade de Ziclague. De lá, Davi decide continuar seus ataques contra os amalequitas e outras tribos do deserto a quem Deus havia decretado que deveriam ser expulsos pelos filhos de Israel. Davi não deixa sobreviventes que possa trazer relatórios para Aquis, e quando o rei filisteu pergunta onde ele esteve, ele diz apenas: "Contra o Negev (sul) de Judá". Ele realmente efetuou suas campanhas ao sul de Judá, mas contra as tribos do deserto, não contra seu próprio povo. Porém a resposta ambígua de Davi deixa Aquis com a impressão de que ele batalhara contra Judá.

Davi errou duplamente. Primeiro por fugir para os filisteus sem buscar a orientação de Deus e depois por encobrir a verdade por meio de declarações de sentido duplo. A verdade deve ser o fundamento de cada palavra proferida. Deus deve ser consultado antes de cada decisão. Somente assim estaremos seguros.

Ralph Neall

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...