Receba mensagens em seu Email

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Palavra Eficaz - Provérbios 4:24


Meditação Diária
DESVIE-SE DA MENTIRA

Desvia de ti a falsidade da boca e afasta de ti a perversidade dos lábios. Provérbios 4:24.

A carta terminava assim: “Se pudesse começar tudo de novo, faria as coisas completamente diferentes.” A autora era uma senhora que dizia não ter amigos. “Todos me rejeitam. Ninguém me convida para nada”, se lamentava. Ela percebia qual era a raiz dos seus problemas. “A minha boca. Eu falo mais rápido do que penso”, concluía.

A verdade é que as palavras têm muito poder. Constroem ou destroem. Não existe palavra de efeitos neutros. O sábio Salomão menciona o poder das palavras pelo menos umas 150 vezes no livro de Provérbios, demonstrando assim que a palavra é um assunto de muita importância.

O verso de hoje apresenta a falsidade como um ato de perversão. É muito duro, mas é real. Deus não aceita a mentira sob hipótese alguma porque é a antítese do Seu caráter. Jesus é a verdade.

O Senhor Jesus Cristo, referindo-Se ao diabo, disse: “Nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira.” João 8:44. Portanto, todo mentiroso coloca-se no terreno do inimigo de Deus.

As primeiras palavras do diabo registradas na Bíblia são uma deslavada mentira. “É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?” Gên. 3:1. Desde aquele dia, ele não parou de mentir. Apresenta caminhos falsos, enganadores e sedutores. Oferece um minuto de prazer, fazendo com que você pense que isso é felicidade, quando, por trás de tudo, está a sua intenção de destruí-lo.

Escolha a verdade, por mais dolorosa que seja. A verdade é como a ferida limpa. Pode sangrar e doer, mas sara. Já a mentira é como a ferida purulenta. Você disfarça a realidade, esconde-a por um tempo, mas finalmente a mentira mata.

Senhor, ajuda-me a transitar no caminho da verdade porque nele há luz e certeza. Ajuda-me a fugir da mentira porque sua penumbra confunde e deforma a realidade da vida. Que esta seja a sua oração.

Saia hoje de casa disposto a falar a verdade, viver e até morrer por ela. Procure a pessoa verdade que é Jesus, não se afaste dEle, permita que Sua maravilhosa luz torne a sua vida transparente. “Desvia de ti a falsidade da boca e afasta de ti a perversidade dos lábios.” 
Texto por Alejandro Bullón

Segure a mão poderosa do Salvador Experimente estar comunhão com o Senhor diariamente andando, comprando, vendendo, trabalhando ou estudando permita que Jesus participe de sua vida e seja feliz. 

Números 20


Reavivados por Sua Palavra- 

Leitura Diária- Números 20
Leia ou ouça o capítulo 20 de Números  clicando em: http://www.bibliaonline.com.br/acf/nm/20
        
Comentários sobre Números 20

A liderança amplia o que fazemos, porque os outros nos seguem. Depois do Sinai, o povo pediu para que Moisés falasse por Deus, porque não podia suportar a presença direta de Deus. Esta foi uma grande responsabilidade para Moisés.

No texto de hoje, ele não conseguiu refletir o caráter de Deus para o povo como deveria ter feito. Ele estava zangado com o povo, ampliando suas falhas e destruindo a lição de misericórdia e amor que Deus queria comunicar naquele momento. Este é um alerta a todos os líderes de que nunca devemos ceder à tentação de agir impropriamente para com aqueles que lideramos.

Em um sentido muito real, todos nós estamos liderando aqueles que nos rodeiam. Eles sabem Quem nós representamos. Para algumas pessoas, nós somos a única evidência que eles têm sobre o que Deus é. Então, a lição de hoje é para todos os crentes.

A punição aplicada foi que Moisés e Arão não introduziriam Israel na terra prometida. Primeiras lições são importantes - era necessário que a entrada do povo nesta nova terra não fosse maculada por uma liderança que tinha tão recentemente deturpado Deus e Seu modo de agir com a humanidade.

Você já teve um comportamento indulgente que confundiu outras pessoas a respeito de Deus? Como diz a canção, "deixe o mundo ver Jesus em você”.

John Beckett
Professor de Computação
Southern Adventist University


quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Palavra Eficaz=Salmo 10:17


Meditação Diária
O DESEJO DOS HUMILDES

Tens ouvido, Senhor, o desejo dos humildes; Tu lhes fortalecerás o coração e lhes acudirás. Sal. 10:17.

Os Salmos 9 e 10 são complementares. No Salmo 9, o povo de Deus enfrenta perigos que vêm das nações vizinhas; enquanto no Salmo 10 os perigos e as pressões que o povo experimenta vêm de dentro. Você já pensou que muitas vezes os maiores inimigos estão bem perto da gente?

Neste salmo, pessoas soberbas maltratam e humilham seus irmãos. O salmista se refere aos que temem ao Senhor e andam nos Seus caminhos como os humildes. É preciso humildade para reconhecer os limites de criatura e aceitar o conselho divino.

Tente andar nos caminhos de Deus entre pessoas que levam na brincadeira as coisas sagradas, e você verá que muitas vezes elas o farão sentir-se ridículo e obsoleto. Seu respeito pelos valores e princípios divinos fará com que, em muitas ocasiões, as pessoas zombem de sua maneira de encarar a vida. É nessas circunstâncias que o cristão precisa prestar atenção ao texto de hoje. O salmista afirma que Deus faz duas coisas com os humildes: os ouve e os fortalece.

Se alguma vez você esteve preso num elevador, sabe como é bom ser ouvido por alguém. Ou se já foi assaltado, sabe como desejou que alguém o ouvisse para vir em seu auxílio. No salmo de hoje, Deus promete ouvir seu clamor quando você se sentir pressionado pelas críticas daqueles que não temem ao Senhor.

Mais ainda, Ele promete fortalecê-lo. Deus não vem para tomar o seu lugar. Ele não quer filhos frágeis, fracos e incapazes de enfrentar os perigos. Ele o fortalece. Aguça suas idéias. Coloca os argumentos necessários nos seus lábios. Estimula-o a enfrentar os perigos e pressões.

E quando os embates da vida são mais fortes que você, Deus promete acudi-lo, tomar você nos Seus braços, como um pássaro ferido prestes a ser destruído pelo predador, e levá-lo ao outro lado da montanha, onde Ele Se encarregará de curar suas feridas. Não é maravilhoso? Por isso, o apóstolo Paulo pergunta: Se Deus está conosco, quem será contra nós?

Hoje, você tem pela frente um dia de vitória. Mas, se ao olhar pela janela da vida, enxergar o horizonte escuro, não se desespere. Confie na promessa: “Tens ouvido, Senhor, o desejo dos humildes; Tu lhes fortalecerás o coração e lhes acudirás.” Texto por Alejandro Bullón

Segure a mão poderosa do Salvador Experimente estar comunhão com o Senhor diariamente andando, comprando, vendendo, trabalhando ou estudando permita que Jesus participe de sua vida e seja feliz. 

Números 19


Reavivados por Sua Palavra- 
Leitura Diária- Números 19
Leia ou ouça o capítulo 19 de Números  clicando em: http://www.bibliaonline.com.br/acf/nm/19
        
Comentários sobre Números 19
Texto de hoje do blog da Bíblia (http://revivedbyhisword.org/en/bible/num/19/):

Aqui Deus está dando instruções muito específicas para os israelitas a respeito da diferença entre puro e impuro. Jesus nos mostrou como aplicar isso à vida moderna em Marcos 9:45: devemos retirar de nossas vidas tudo aquilo que tende a nos separar de Deus.

Uma pessoa que se tornasse impura cerimonialmente teria que ser separada por um tempo. 

Essa pausa para reflexão é importante, especialmente hoje, quando existe tanta confusão em nossas vidas modernas. Se descobrirmos que algo em nossa vida não atende ao padrão divino, é hora de dar um passo atrás e reavaliar a nossa situação. Talvez tenhamos de remover o que é ruim em nossa vida. Ou pode ser que devamos nos desviar de algo que nos separe de Deus.

Felizmente, temos ajuda. Atletas profissionais têm treinadores pessoais que criam programas individualizados para conseguir o seu melhor desempenho. O Espírito Santo é o treinador pessoal definitivo. Ele sabe exatamente o que devemos fazer a seguir no caminho para o Reino. Tudo o que temos a fazer é afastar a nossa atenção do mundo, procurar orientação na Palavra de Deus e ouvir.

A passagem termina com um aviso: Se uma pessoa não se purificar, ela será cortada de Israel. Se não nos voltamos para Deus, quando permitimos que influências mundanas nos separam dEle, o resultado será certamente um desastre.

John Beckett
Professor de Computação
Southern Adventist University


quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Palavra Eficaz- Provérbios 20:18


Meditação Diária
VÁ À LUTA

Os planos mediante os conselhos têm bom êxito; faze a guerra com prudência. Provérbios 20:18

Conta a velha história que um finlandês ateu deixou em seu testamento a fazenda que possuía para o diabo. Quando o homem morreu, as autoridades não sabiam como cumprir o pedido. Finalmente, depois de semanas de deliberação, a corte decidiu que a melhor maneira de atender a última vontade do fazendeiro era deixar tudo abandonado. A terra sem cultivar, a casa sem arrumar, os jardins cheios de ervas daninhas, os celeiros vazios. A corte declarou no seu veredicto: “A melhor maneira de permitir que o diabo tome posse de algo é não fazer nada.”

Assim é com a vida. Por isso, o provérbio de hoje aconselha: “Faça planos e faça a guerra. Não fique de braços cruzados.”

Outro dia, durante um seminário, perguntei: “O que significa fazer planos?” Alguém levantou a mão e respondeu: “Sonhar.” É verdade que ninguém deve subestimar o valor dos sonhos. Eles são importantes. Tem gente que nunca sai da mediocridade porque é incapaz de sonhar. Mas um sonho sem um plano não passa de um desejo. Salomão fala de planos. Um plano é a estrada que o levará à realização dos seus sonhos.

Onde você está neste momento? Na sua vida espiritual, financeira, familiar ou profissional, onde você está? Responda. Agora, pergunte-se aonde você quer chegar. Se você não sabe aonde ir, como é que chegará lá? A melhor maneira de chegar a nenhum lugar é não fazer planos.

Uma vida sem planos e sem ação é uma vida em desintegração, porque essa é a lei da própria natureza. Depois da entrada do pecado neste mundo, estamos condenados à desintegração. Já percebeu que, com o correr dos anos, a visão se apaga, a audição diminui, as células morrem e os ossos se desgastam?

Todas as coisas envelhecem. O que significa isso? Que se você não “fizer planos”, e não “entrar na guerra” para sair todo dia do presente estado de coisas, sua vida entrará em retrocesso.

Vá para a “guerra”, porque a vida é uma luta diária contra a mediocridade, a superficialidade e a vaidade. Mas vá com prudência! Ir sozinho é cair nas areias movediças do humanismo. Busque conselho nAquele que é a própria sabedoria. Aquele que nunca falha. E lembre-se: “Os planos mediante os conselhos têm bom êxito; faze a guerra com prudência.” Texto por Alejandro Bullón/

Segure a mão poderosa do Salvador Experimente estar comunhão com o Senhor diariamente andando, comprando, vendendo, trabalhando ou estudando permita que Jesus participe de sua vida e seja feliz. 

Números 18


Reavivados por Sua Palavra- 
Leitura Diária- Números 18
Leia ou ouça o capítulo 18 de Números  clicando em: http://www.bibliaonline.com.br/acf/nm/18

Comentários sobre Números 18- 


Existe um lugar para que nós sirvamos a Deus exatamente como houve para os sacerdotes e levitas. Nosso desejo deveria ser encontrar esse lugar e buscar as tarefas que Ele nos concedeu. Era importante que Arão e sua família tomassem imediatamente o seu lugar como sacerdotes, por isso Deus os chamou diretamente. Conosco o processo pode ser mais gradual. Não é a grandeza do trabalho que fazemos que importa, mas, sim, o espírito no qual fazemos aquilo que podemos. À medida que aprendemos mais sobre a vontade de Deus para nós e aplicamos o que sabemos e aprendemos, Ele é capaz de nos guiar cada vez mais adiante na estrada para o Seu reino.

Uma das bênçãos que Deus dá a todos nós é o privilégio de generosidade. Seu plano para apoiar os levitas através dos dízimos permitiu que o Senhor abençoasse a toda a nação de Israel. Mesmo os levitas não eram isentos de devolver o dízimo de sua renda para os sacerdotes.

A outra lição que aprendemos deste capítulo é que não podemos escolher nossas ofertas a Deus, sejam elas animais ou aquilo que produzimos em nosso jardim para dar ao Senhor, mas devemos dar-Lhe o que temos de melhor. 

Também o nosso tempo com Ele não devem ser os momentos que sobram depois de termos feito as muitas tarefas de cada dia. Devemos dar-Lhe a melhor parte do nosso dia. 

Porém, como ficam todas as outras coisas que devemos realizar? Em Mateus 6:33, Jesus diz: “Buscai, pois, em primeiro lugar, o Seu reino”, isto é, o seu relacionamento com Ele, “e todas estas coisas vos serão acrescentadas.”

O mesmo princípio se aplica ao nosso dinheiro. Repetidamente Seus seguidores têm visto que se O colocarem em primeiro lugar, o restante lhes será abundante. Mas se cuidarem de outras obrigações em primeiro lugar, é provável que reste muito pouco espaço para Deus.

John Beckett
Professor of Computing
Southern Adventist Universit



terça-feira, 28 de agosto de 2012

Recadinhos do Criador


15 motivos para ler a Bíblia diariamente

1 – Para livrar-se da ansiedade e ter paz (Salmo 119:165)
2 – Para ter direção quando a vida estiver fora de controle (Salmo 19:7-8)
3 – Para ter direção e conhecer a vontade de Deus (Salmo 119:105)
4 – Para experimentar a cura e a libertação (Salmo 107:20)
5 – Para crescer no Senhor (I Pedro 2:2)
6 – Para ser fortalecido, consolado e ter esperança (Salmo 119:28, 50, 114)
7 – Para moldar-se a si mesmo e a sua vida corretamente (Salmo 119:11)
8 – Para poder enxergar claramente (Salmo 119:130)
9 – Para conhecer as intenções do seu coração (Hebreus 4:12)
10 – Para desenvolver a sua fé (Romanos 10:17)
11 – Para ter alegria (Salmo 16:11)
12 – Para compreender o poder de Deus (João 1:3)
13 – Para dar vida à vida (Salmo 119:50)
14 – Para discernir o bem do mal (Salmo 119:101-102)
15 – Para compreender o amor de Deus por você (João 1:14)
Uma dica para tornar a leitura da Bíblia mais interessante (para quem já a leu algumas vezes): procure uma versão diferente ou leia em um outro idioma. Se ainda não leu todo o Livro Sagrado nenhuma vez, comece agora. Um capítulo por dia, como sugere esse interessante projeto,Reavivados por Sua Palavra. Boa leitura na companhia do Autor!

Palavra Eficaz- Salmo 9:1


Meditação Diária
DE TODO O CORAÇÃO

Louvar-Te-ei, Senhor, de todo o meu coração; contarei todas as Tuas maravilhas. Salmo  9:1.

A vitória ainda não havia chegado. Não havia aplausos, medalhas, nem reconhecimento público. O salmista ainda não podia apalpar a taça de campeão, mas podia olhá-la com os olhos da fé e louvar ao Senhor pelas maravilhas que ainda não tinham acontecido.

Se ele gastasse o tempo reclamando e queixando-se, talvez nada sucedesse. Mas o salmista é capaz de louvar pelo Sol que sairá amanhã, ainda que ele esteja hoje mergulhado nas sombras.

Seu louvor não nasce do dever. Ele não cumpre apenas uma obrigação. Não se deixa levar pelo mero formalismo. Louva “de todo coração”. Meio coração não é coração. Um coração dividido rasga a vida pela metade, desintegra e mata. Um coração dividido não consegue louvar.

Ninguém pode servir a dois senhores. Com meio coração, você cai no terreno da pantomima. Seu louvor está destituído de autenticidade. E se você não é capaz de olhar para frente com os olhos da fé, e com todo seu coração, não verá as “Suas maravilhas”.

Mas, segundo o verso de hoje, para Davi não era suficiente louvar. Ele acrescenta “contarei todas as Tuas maravilhas”. Ninguém será vigoroso na vida espiritual, a menos que conte as maravilhas de Deus a todos aqueles com quem se relaciona.

Na parábola da moeda perdida, quando a mulher achou a moeda, a primeira coisa que fez foi reunir seus amigos, vizinhos e parentes para contar-lhes a “maravilha”. Só guardam silêncio as pessoas em cuja vida Deus não opera maravilhas.

O que você perdeu? Uma moeda? O lar, o emprego, o filho, a paz do coração? Vá a Deus, louve o Seu nome de todo o coração. Agradeça pelas maravilhas que ainda não recebeu, mas que é capaz de enxergar pela fé. E aguarde, pacientemente, porque Deus não falha com os filhos sinceros.

Louve a Deus. Não use intermediários. “Louvar-Te-ei, Senhor”, diz o salmista. Louve-O com todo o seu ser. Não seja espiritual pela metade. 
Agradeça ao Senhor as maravilhas futuras que acontecerão na sua vida.

Com este pensamento em mente, saia hoje repetindo a si mesmo: “Louvar-Te-ei, Senhor, de todo o meu coração; contarei todas as Tuas maravilhas.” Texto por Alejandro Bullón/

Segure a mão poderosa do Salvador Experimente estar comunhão com o Senhor diariamente andando, comprando, vendendo, trabalhando ou estudando permita que Jesus participe de sua vida e seja feliz. 

Números 17


Reavivados por Sua Palavra- 

Leitura Diária- Números 17
Leia ou ouça o capítulo 17 de Números  clicando em: http://www.bibliaonline.com.br/acf/nm/17
Comentários sobre Gênesis 16


Deus misericordiosamente deu a Israel mais uma prova de Sua vontade para corrigir juízo equivocado do povo. Eles ainda estavam convencidos de que Moisés e Arão haviam "matado o povo do Senhor."

Deus ordenou que cada tribo tomasse um bordão e escrevesse nele o nome da casa de seus pais. As varas foram depois deixadas na presença do Senhor. Deus, então, operou um milagre que foi suficiente para silenciar as reclamações dos israelitas e que deveria ser um testemunho permanente sobre quem Deus havia estabelecido o sacerdócio. Todas as notáveis alterações ​​no bordão ocorreram em uma noite com o objetivo de convencê-los de que Deus havia estabelecido uma positiva distinção entre Arão e o resto dos filhos de Israel.

Após este milagre do poder divino, a autoridade do sacerdócio não foi mais posta em dúvida. Este bordão maravilhoso foi preservado para ser freqüentemente mostrada ao povo para lembrá-los do passado e para impedi-los de murmuração, questionando novamente a quem o sacerdócio pertencia por direito. Quando os filhos de Israel perceberam a verdadeira dimensão de sua recém rebelião, ficaram aterrorizados. " Eis que expiramos, perecemos, perecemos todos. " Eles foram finalmente obrigados a aceitar a indesejável verdade que seu destino era morrer no deserto. Depois que eles perceberam que, de fato, havia sido o Senhor que dissera que eles não deveriam entrar na terra prometida, então reconheceram que haviam pecado contra o Deus de Israel em sua rebelião contra a autoridade de Moisés e Aarão.

É sempre difícil chamar à verdade aqueles que se permitem ser conduzidos à rebelião. Foi difícil convencer os israelitas rebeldes de que eles estavam errados e Moisés e Arão estavam certos, mesmo depois que a terra engoliu Coré e seu grupo.

Ellen G. White menciona este incidente, afirmando que a história da rebelião de Coré "está registrada como alerta ao povo de Deus, especialmente àqueles que vivem sobre a terra perto do fim do tempo ... Deus, em sua misericórdia, condescendeu em fazer um milagre com a vara  de Arão para estabelecer em sua mente para sempre a questão do sacerdócio. "(Spiritual Gifts, Vol. 4A, pp 35-38).

Nancy Costa
Está Escrito Televisão

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Palavra Eficaz -Provérbios 20:13


Meditação Diária
FARTAR-SE DO PRÓPRIO PÃO

Não ames o sono, para que não empobreças; abre os olhos e te fartarás do teu próprio pão. Provérbios 20:13.

É bom dormir depois de um dia de trabalho produtivo. O sono é o instrumento divino para a renovação das energias. Um homem normal precisa dormir oito horas por dia. Se ele viver 75 anos, terá dormido 25 anos. O que você faria com esse tempo ao seu dispor?

O conselho de hoje não é contra o sono, mas contra a preguiça. A Bíblia, e especialmente o livro de Provérbios, está repleta de advertências sobre o perigo de dormir quando é hora de trabalhar. O trabalho é o canal através do qual Deus quer derramar Suas bênçãos para o ser humano.

Ficar deitado, esperando que um corvo traga pão para alimentá-lo, ou que o pouco de farinha e azeite que ainda restam na despensa durem para sempre são atitudes próprias do insensato. Mas esses milagres não estão registrados na Bíblia? Estão, sim. Aconteceram em circunstâncias extremas. Deus, hoje, continua disposto a agir miraculosamente em situações desse tipo.

O maior milagre que Ele pode fazer, no entanto, é levar você ao trabalho. “Desperte”, diz Ele, “abra os olhos, trabalhe e Eu o abençoarei, de modo que você se fartará do seu próprio pão.”

Comece hoje com o que está nas suas mãos. O único trabalho que nunca se realiza é aquele que não é começado. Como você chegará ao seu destino se não der o primeiro passo? Não se amedronte diante das dificuldades. Não encare as coisas difíceis como impossíveis. Todas as coisas extraordinárias que hoje existem foram consideradas impossíveis antes que alguém aceitasse o desafio de realizá-las.

Vá hoje a Jesus. Não para pedir que o abençoe fazendo aparecer um emprego, mas pedindo que Ele lhe dê forças para sair procurando o emprego. Faça o que pode fazer. Deixe o resto com Jesus. Ele abrirá as portas. Você precisa bater. Ele frutificará a obra de suas mãos. Você precisa trabalhar. A fórmula do êxito é orar muito e trabalhar muito.

Torne hoje um dia de muita oração e de muita ação. Lembre-se do conselho do homem mais rico e sábio da Bíblia: “Não ames o sono, para que não empobreças; abre os olhos e te fartarás do teu próprio pão.”Texto por Alejandro Bullón/

Segure a mão poderosa do Salvador Experimente estar comunhão com o Senhor diariamente andando, comprando, vendendo, trabalhando ou estudando permita que Jesus participe de sua vida e seja feliz. 

Números 16


Reavivados por Sua Palavra- 

Leitura Diária- Números 16
Leia ou ouça o capítulo 16 de Números  clicando em: http://www.bibliaonline.com.br/acf/nm/16
        
Comentários sobre Gênesis 16

Corá era levita, primo de Moisés e homem de habilidade e influência. Embora designado para o serviço do tabernáculo, ele havia ficado insatisfeito com sua posição e aspirava à dignidade do sacerdócio. Ele estava com ciúmes de Arão, e secretamente se opôs a a Moisés. Ele finalmente concebeu um plano para derrubá-los e logo encontrou simpatizantes.

 O povo em sua amargura e decepção por ter sido derrotado pelos cananeus e não querendo submeter-se à sentença de que deveriam morrer no deserto, estava pronto para aproveitar qualquer oportunidade para acreditar que não tinha sido Deus, mas Moisés que havia pronunciado sua condenação.

Para aqueles que estão em erro e merecedores de repreensão não há nada mais agradável do que receber simpatia e louvor. Estas pessoas eram lisonjeadas por Corá, que professava grande interesse e amor por eles e concluíram que ele deveria ser bom e Moisés e Arão, ruins.

Eles também realmente acreditaram serem pessoas muito boas que foram enganadas e usadas por Moisés. Se eles admitissem que Corá estava errado e que Moisés estava certo então eles seriam obrigados a receber a sentença de que eles deveriam morrer no deserto.

Corá chegou a acreditar que ele estava agindo no zelo por Deus, e que Deus estava do seu lado. Ele se iludiu ao ponto de pensar que era justo e a  congregação, santa. Julgava-se um pioneiro, que faria uma mudança radical no governo e melhoraria em muito a administração de Moisés e Aarão. 

Moisés não discutiu ou se defendeu, mas intercedeu várias vezes pelos ofensores diante de Deus, reconhecendo a enormidade de seu pecado.
Na rebelião de Corá, vemos o mesmo espírito que levou à rebelião de Lúcifer no céu.

Corá e seus companheiros rejeitaram a luz até se tornarem tão cegos a ponto de que as mais notáveis ​​manifestações do poder de Deus não foram suficientes para convencê-los, pois eles as atribuíam à atuação humana ou satânica. O povo seguiu o mesmo caminho e no dia seguinte ao da destruição de Corá e seus seguidores eles vieram a Moisés e a Arão, dizendo: "Vós matastes o povo do Senhor." Sua decepção havia sido tão grande que suas simpatias ainda estavam com os transgressores . Com isso, eles selaram seu destino.

Deus trabalha por meio de Seu Espírito Santo para reprovar e condenar o pecador. Se a obra do Espírito é finalmente rejeitada, não há nada mais que Deus possa fazer em benefício da alma.

Ninguém será condenado por acreditar em uma mentira mas, sim, por se recusar a acreditar na verdade.

Oremos para que tenhamos um espírito humilde quando repreendidos, para que possamos aceitar a correção do Senhor, sabendo que Ele está efetuando a Sua salvação em nós.
Nancy Costa-Está Escrito Televisão

domingo, 26 de agosto de 2012

Palavra Eficaz- Salmo 143:8


Meditação Diária
ELEVE A SUA ALMA

Faze-me ouvir, pela manhã, da Tua graça, pois em Ti confio; mostra-me o caminho por onde devo andar, porque a Ti elevo a minha alma. Sal. 143:8.

Há ocasiões em que você vai para a cama cheio de problemas, com a esperança de que na manhã seguinte, ao sair o sol, apareça uma luz para ver-se livre das dificuldades que o envolvem.

Davi não era diferente de você. Nenhum dos personagens famosos da Bíblia deixaram de enfrentar circunstâncias sufocantes. Por trás do fim vitorioso de muitos heróis, é possível encontrar momentos de lágrimas, temor, desânimo e até vontade de desistir.

Se você vive num mundo marcado pela dor e o sofrimento, é claro que muitas vezes eles baterão à porta do seu coração. Dificuldades e problemas são pedras no meio do caminho. É preciso retirá-las para continuar em direção aos objetivos propostos.

No caso de Davi, ele não esperava encontrar sozinho a solução. “Pois em Ti confio”, afirma o verso de hoje. Essa confiança o levava a esperar que na manhã seguinte Deus lhe daria a resposta.

Sempre existe saída para as circunstâncias aparentemente insolúveis. O segredo da vitória é descobrir qual é o caminho. Por isso, o salmista suplica: “Mostra-me o caminho por onde devo andar.”

Este “mostrar” não é místico. Não consiste em ficar parado nalgum canto da vida, esperando uma revelação “transcendental”. Se Deus quisesse fazer isso, poderia fazê-lo. Ele o fez muitas vezes ao longo da história. Mas hoje você tem a Sua Palavra escrita, e é através dela que Deus está pronto a mostrar-lhe as saídas.

Nada está perdido quando Jesus está no controle da vida. Se você não derramasse lágrimas, onde estariam os prismas para que sua vida se torne um arco-íris? Não desista. Abra a bíblia e busque as respostas divinas para as dificuldades no seu casamento, no relacionamento com os seus filhos, na vida financeira ou profissional.

Esta é a “manhã” da qual o salmista fala. Ouça a voz de Deus e encare os desafios da vida com coragem e valor. Diga como Davi. “Faz-me ouvir, pela manhã, da Tua graça, pois em Ti confio; mostra-me o caminho por onde devo andar, porque a Ti elevo a minha alma.” Texto por Alejandro Bullón/

Segure a mão poderosa do Salvador Experimente estar comunhão com o Senhor diariamente andando, comprando, vendendo, trabalhando ou estudando permita que Jesus participe de sua vida e seja feliz. 

Números 15


Reavivados por Sua Palavra- 

Leitura Diária- Números 15
Leia ou ouça o capítulo 15 de Números  clicando em: http://www.bibliaonline.com.br/acf/nm/15
        
Comentários sobre Gênesis 15

Na maior parte deste capítulo, é interessante notar as instruções específicas de Deus relacionadas a ofertas sacrificais  e outros rituais. Esta cuidadosa instrução de Deus é repetida por todo o Antigo Testamento. Os israelitas tinham sido escravos por mais de 400 anos, vivendo em condições sub-humanas e sendo tratados pior do que animais. Eles não tiveram qualquer educação formal e eram carentes da mais elementar formação.

O Deus do Universo, que mantem bilhões de estrelas no lugar, tomou para si a tarefa de pessoalmente treiná-los com a maior paciência e cuidado nas áreas de higiene, comportamento e adoração. Ele os estava ensinando - e a nós - que os detalhes importam para Ele.

Assim, do mesmo modo como o Senhor disse a eles "que nos cantos das suas vestes façam borlas pelas suas gerações; e as borlas em cada canto, presas por um cordão azul", para olhar e lembrar dos mandamentos do Senhor, Ele nos diz hoje que vê a queda do pardal e conhece o número de cabelos em nossa cabeça.

Ele se preocupava com eles naquela época e cuida de nós hoje.
Este capítulo também menciona o incidente do transgressor do sábado que foi encontrado juntando madeira neste dia e foi apedrejado até a morte. A Bíblia não explica sempre o "porquê" de um castigo aparentemente exagerado, e é aí que aparece a questão da verdadeira confiança: nós confiamos que Deus é justo e ainda misericordioso em todas as suas relações? Essa é a verdadeira questão do grande conflito entre Cristo e Satanás, o amor e a justiça de Deus.

Neste caso, no entanto, temos esclarecimento da escritor de E. G. White: Este homem, "irado por ter sido excluído de Canaã, e decidido a mostrar seu desafio à lei de Deus, atreveu-se a uma transgressão declarada do quarto mandamento" (PP 297). Acender um fogo no clima frio de Canaã era muitas vezes necessário no sábado, mas não no deserto. Apesar de serem lembrados do sábado toda semana pelo milagre do maná, ele e toda a congregação, teriam manifestado desprezo aberto pela autoridade de Deus se lhe tivesse sido permitido continuar em seu desafio teimoso a Deus.

Como é a nossa guarda do sábado? Esquecemos nós às vezes que Deus está interessado tanto nas pequenas coisas assim como nas grandes e não aceitará um culto descuidado?

Nancy Costa
It is Written Television

sábado, 25 de agosto de 2012

Palavra Eficaz -Salmo 106:3


Meditação Diária
FELIZES
Bem-aventurados os que guardam a retidão e o que pratica a justiça em todo tempo. Sal. 106:3

Se você achar que a justiça é simplesmente retidão e bom comportamento, o texto de hoje o levará a um beco sem saída. Segundo o salmista, uma maneira de ser feliz é ter uma conduta coerente e acima de qualquer suspeita. Mas justiça, no conceito hebraico, não é apenas um padrão de comportamento.

O profeta Jeremias disse: “Naqueles dias e naquele tempo, farei brotar a Davi um Renovo de justiça; Ele executará juízo e justiça na Terra.” Jer. 33:15. O Renovo de justiça que o profeta menciona não é apenas possuidor de justiça. É a própria justiça. Não existe justiça sem Jesus. Ele é a justiça.
Portanto, ao referir-se no verso de hoje àquele “que pratica a justiça”, o salmista está pensando naquele que vive em Jesus.

Praticar é aplicar a teoria repetidamente. A vida cristã não é só teoria. Não basta saber que Jesus morreu e que a única maneira de “guardar a retidão” é ir a Ele. Esse conceito é maravilhoso, mas é preciso sair da teoria e ingressar no terreno da prática. É preciso andar diariamente com Jesus, a justiça personificada.

Davi ensina no salmo de hoje que o segredo da felicidade é “praticar a justiça”. Como pode a prática de normas, na maioria das vezes difíceis de serem cumpridas, proporcionar felicidade? Não, evidentemente aqui não se fala simplesmente de um código moral, destituído de vida. Aqui se fala do Senhor Jesus Cristo. Ele morreu na cruz do Calvário não só para dar-nos vida, mas também para dar vida aos mandamentos que o farisaísmo humano havia tornado letra morta.

“Praticar justiça” no sentido de andar diariamente com Jesus é uma experiência enriquecedora. Dá sentido a vida. Proporciona sabor aos momentos mais insossos da experiência humana.

Olhe para os princípios divinos não como letra sem vida e proibições massacrantes. Olhe-os como reflexo do caráter de Jesus e aplique-os à sua vida. Esse é o segredo da felicidade que você tanto procura. Essa pode ser a realidade mais extraordinária de sua existência.

Por isso, decore o verso de hoje e repita-o ao longo do dia: “Bem-aventurados os que guardam a retidão e o que pratica a justiça em todo tempo.” Texto por Alejandro Bullón/

Segure a mão poderosa do Salvador Experimente estar comunhão com o Senhor diariamente andando, comprando, vendendo, trabalhando ou estudando permita que Jesus participe de sua vida e seja feliz. 

Números 14

Reavivados por Sua Palavra- 
Leitura Diária- Números 14
Leia ou ouça o capítulo 14 de Números  clicando em:http://www.bibliaonline.com.br/acf/nm/14
Comentários sobre Números 14

Texto do blog da Bíblia (http://revivedbyhisword.org/en/bible/num/14/ e http://reavivadopelapalavra.blogspot.com.br/):


O povo de Israel acreditou nos dez espiões e, por sua incredulidade, se colocaram sob o controle de Satanás. A congregação inteira se revoltou e um motim se seguiu. Eles pareciam privados de razão, e acusaram não só Moisés, mas o próprio Deus de falhar em lhes prometer uma terra que não poderiam possuir.

 Quando Josué e Calebe tentaram argumentar com eles, o clamor se transformou em tentativa de apedrejamento. Somente a glória da presença de Deus os interrompeu.

Moisés intercedeu e Deus prometeu poupar o povo da destruição imediata, mas sua punição seria passar 40 anos no deserto assim como os espiões viajaram por 40 dias pelo país.

Esta não foi uma punição exagerada e arbitrária. Por causa da incredulidade e covardia do povo, Deus não poderia manifestar Seu poder para subjugar os inimigos de Israel. Portanto, em Sua misericórdia, lhes ordenou, como o único caminho seguro, voltar em direção ao Mar Vermelho.

Os dez espiões, feridos por uma praga, morreram diante do povo, e neles todos viram sua condenação. Neste momento sua ira se transformou em tristeza, não por causa da sua ingratidão e desobediência, mas pelas conseqüências terríveis.

Sua tristeza não era arrependimento e não podia reverter a sentença. Quando Deus ordenou que voltassem ao deserto, Ele testou sua aparente submissão, que provou não ser verdadeira. Eles se recusaram a voltar para trás.

Moisés, Josué e Calebe também sentiram amarga decepção, porém aceitaram sem murmuração a decisão de Deus. Mas àqueles que tão facilmente se queixaram agora Deus  deu um real motivo para reclamar.
Então,aquilo que eles se recusaram a fazer quando Deus exigiu, agora eles se propuseram a fazer  para merecer o favor de Deus: "Pecamos contra o Senhor. Nós subiremos e lutaremos, conforme tudo o que o Senhor, o nosso Deus, nos ordenou" (Dt 1:41, NVI) Deus nunca lhes havia ordenado a lutar. Não era Seu propósito que eles ganhassem a terra pela guerra, como evidenciado 40 anos depois na tomada de Jericó.

Subiram sem Moisés e sem a arca, e foram derrotados. Forçados à submissão, eles "choraram perante o Senhor, mas ele não ouviu o seu clamor"  (Dt. 1:45, NVI). 

Os inimigos de Israel que haviam aguardado trêmulos por sua aproximação, agora se encheram de confiança para resisti-los. Todos os relatórios maravilhosos que tinham ouvido do que Deus tinha feito por Israel agora consideraram falsos. Nada restava para Israel a não ser voltar ao deserto, sabendo que este seria o túmulo de toda aquela geração.

Nancy Costa
It Is Written Television


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...